Procurando Vida no Planeta Marte

 

Robô Perseverança parte para procurar sinais de vida em Marte

 

Instrumentos do robô, cujo principal objetivo é procurar sinais de vida em Marte.
[Imagem: NASA]

 

Vidas passadas

A rodovia espacial para nosso vizinho avermelhado está lotada, com a terceira missão partindo rumo a Marte em pouco mais de uma semana.

Um foguete Atlas 5 partiu com sucesso nesta quinta-feira (30) carregando o robô Perseverança, a mais recente missão da Nasa – esta é a nona missão da agência espacial norte-americana à superfície de Marte.

Com um custo de US$ 2,4 bilhões, o objetivo principal desta vez é procurar vestígios de uma possível vida passada no planeta vizinho da Terra.

O robô Perseverança deverá pousar em Marte no dia 18 de Fevereiro de 2021.

O destino é a base de uma cratera de 250 metros de profundidade, chamada Jezero, que se acredita ter sido um lago 3,5 bilhões de anos atrás, o que torna o local promissor para procurar indícios de vida microbiana extinta em Marte.

Instrumentos para estudar Marte

O robô Perseverança contém sete instrumentos científicos:

  • Mastcam-Z, um sistema de câmera avançado com capacidade de imagem panorâmica, estereoscópica e zoom.
  • SuperCam, um instrumento que pode fornecer imagens e análises de composição química e mineralógica à distância.
  • Instrumento Planetário para Litoquímica de Raios X (PIXL) é um espectrômetro de fluorescência de raios X e um gerador de imagens de alta resolução, que mapeará a composição elementar em escala fina dos materiais de superfície marcianos.
  • Rastreamento de Ambientes Habitáveis com Raman e Luminescência para Produtos Orgânicos e Químicos (SHERLOC) é um espectrômetro que fornecerá imagens em escala fina e usará um laser ultravioleta (UV) para mapear a mineralogia e compostos orgânicos.
  • Experimento de Utilização de Recursos in situ para Oxigênio em Marte (MOXIE) é uma demonstração de tecnologia que produzirá oxigênio a partir do dióxido de carbono atmosférico marciano.
  • Analisador Ambiental Dinâmico de Marte (MEDA) é um conjunto de sensores que fornecerão medições de temperatura, velocidade e direção do vento, pressão, umidade relativa e tamanho e forma da poeira.
  • Radar Imageador para Experimentos de Subsuperfície de Marte (RIMFAX) é um radar de penetração no solo que fornecerá uma resolução em escala de centímetros da estrutura geológica abaixo da superfície.

Mas talvez o experimento que mais chama a atenção nesta missão é o helicóptero Engenhosidade, que não fará pesquisas científicas propriamente ditas, mas será o primeiro teste de voo em outro planeta.

 

 

In:

https://www.inovacaotecnologica.com.br/

30/07/2020