A POESIA NA HISTÓRIA PATRIMONIAL IGUAÇUANA